Banner Quero Meu Filho Feliz

Adutora se rompe e causa caos no trânsito da EPTG

Águas Claras amanhece com engarrafamento em vários pontos

Praticamente todas as vias da nossa cidade pararam
Praticamente todas as vias da nossa cidade pararam, gerando um trânsito de mais de 3 km de extensão
(Foto: Orlando Antunes/RAC)

 

Eram quase 5h50 da manhã desta quinta-feira (17/08), quando uma adutora da Caesb se rompeu, alagando a via marginal da Estrada Parque Taguatinga (EPTG). A adutora era considera de grande porte, e o alagamento causou um verdadeiro caos no trânsito, durante a manhã inteira. O problema aconteceu próximo ao viaduto Israel Pinheiro, e o caminho rumo ao Plano Piloto se fez praticamente impossível pela via.

Leia mais notícias em Cidade

A adutora abastece imóveis de três cidades: Águas Claras, Vicente Pires e Guará. Até às 6h00, a companhia não sabia informar a respeito do impacto do rompimento para os consumidores nem o quanto de água acabou sendo desperdiçado. Porém, a empresa afirmou que deve interromper o abastecimento para que os reparos possam ser feitos.

Aproximadamente uma hora depois, foi fechada a corrente da adutora. A água que saía, depois disso, correspondia ao restante da tubulação que ainda “escorria”. O volume foi tão grande que inundou todo o pátio de uma pousada da região.

Por causa da interdição de todas as faixas da marginal, a via expressa apresentou retenção desde o balão da Unieuro, na entrada da nossa cidade. Até às 6h50, já havia até registros de pequenos acidentes ao longo dos quase 3,5 km de congestionamento, que se formou por causa do rompimento da adutora.

Por causa da desordem, o Departamento de Estradas e Rodagem (DER) liberou as faixas exclusivas dos ônibus para aliviar um pouco o caos, além de estender a reversão do trânsito na via Estrutural até às 20h30.

Aguarde mais informações

Revista Águas Claras

Seu canal de notícas em Águas Claras, Brasília e Brasil.

Email:

contato @revistaaguasclaras.com.br

 

Fax:

+061 3034 0000 / 9908 9100